25/11/10

à minha comadre

Hoje fazes anos. 33. Os mesmos que eu tenho
 
Hoje é também (como sabes) uma data especial para nós :)
 
Custa-me acreditar que nos conhecemos crianças, antes da escola primária, que disputávamos o mesmo baloiço (quando todos os outros estavam livres), que andávamos sempre pegadas, que cerrávamos fileiras em busca de aliados para a guerra que travávamos uma contra a outra, que te chamava cigana, que tinhas os cabelos pretos e compridos (que eu adorava puxar), que rias, com o olhar inocentes das crianças de 4 ou 5 anos, felizes. Que cedo percebemos que se não os podes vencer, junta-te a eles. E juntamo-nos para nunca mais nos separarmos. Que a vida nos levou muitas vezes por caminhos diferentes e que mesmo não tendo contacto por largos períodos, sempre soubemos ser incondicionais na vida, uma da outra. E sempre o fomos. Estiveste lá sempre, sempre, sempre que precisei. Mesmo quando ando mais tristonha e disfarço como posso (a rir, claro), tu percebes sempre. Topas-me bem.
 
Hoje temos um parentesco. Somos comadres. Graças ao convite que me apanhou completamente de surpresa e me fez chorar (e de que maneira) em pleno restaurante (onde ainda por cima, gostamos tanto de ir). Foi lindo, foi.
 
Hoje, como sempre, adoro-te e moras no meu coração. Eu sei que tu sabes.
 
E se hoje estás de parabéns, está prestes a iniciar-se um novo ciclo na tua vida. O meu afilhado lindo está prestes a fazer 5 meses e vais regressar ao trabalho. Sinceramente, acho que será bom. Que te fará bem. A mim custou-me como o caraças, chorei como uma madalena quando a deixei no primeiro dia, mas assim que entrei na empresa, soube a falta que me fazia trabalhar, ver pessoas, ter conversas para além de fraldas e leite, e pápas e sopas. Vai correr tudo bem.
Parabéns!

2 comentários:

Vanessa disse...

Um dia cheio, uma casa cheia, agora que tudo está arrumadinho, vim para cama, já tudo nana cá em casa... e eu choro que nem uma Madalena. Abraço Grande :)* ADORO-TE

Rita disse...

Parabéns =) *