06/01/12

isto está bonito

Ontem fez uma asneirada (não me lembro o quê, para ser sincera). Levou um ralhete. Pediu desculpa e o pai durão disse que não desculpava.
"Então vou virar as costas vou embora e vais chamar-me e eu não venho!".
Dito e feito. Virou. E nem adiantava chamá-la que sua senhoria é orgulhosa com a mãezinha e não saia do quarto

3 comentários:

Ju disse...

Está uma espertalhona é o que é :P eheheh

mari disse...

oops ... :) :) é como se diz 'quem sai aos seus não degenera' :D :D
**

Gambozina disse...

Não é defeito é feitio.
(Por cá também temos uma mãe orgulhosa, mas para já o catraio ainda não demonstrou sair à mãe)