25/08/10

Conversa a entrar no elevador

Estava a Maria muitoooo bem disposta, depois de ter dormido mais que muito durante a tarde, parada (como quem diz, porque ela nunca está parada) à espera do elevador na entrada do nosso prédio.
Maria: Mamã! Mamã!
Eu: Sim, Maria?
Maria: Olá princesa! (com riso malandreco e mãozita esticada para me fazer uma festinha)
Eu, sem palavras limitei-me a sorrir e a olhar para ela babadíssima e para o marido que se ria a bom rir. Lá lhe disse: É o que a mamã te diz todos os dias, não é?
E foi a vez da Maria não me responder, de se rir ainda mais com ár ainda mais malandro e entrar a grande velocidade no elevador, preparada para carregar em tantos botões quantos conseguissem enquanto eu ainda estava anestesiada pelas palavrinhas...

2 comentários: