31/07/10

Gonçalo

Tivemos festa com direito a presentes lindos, lindos, para nós, no dia em que o meu afilhado celebrou o 1º mês de vida. Nós levamos de presentinho uma t-shirt linda do tiger e o dito do bonequinho em peluche (eu não disse que a disney store ia ser uma perdição?! Nem vos conto os estragos que fiz com a Maria quando lá fomos esta semana...)
A Maria estava louca de excitação. Até com o primo Gonçalo andou às cavalitas (com a preciosa ajuda do tio Miguel, claro está!). Uma casa cheia (não a dela). Alguns rostos conhecidos. Outros tantos desconhecidos. E o que fez a artista? Dançou, cantou, brincou. Falava com toda a gente, desafiava as pessoas para a brincadeira. É assim para o extrovertida a minha princesa. Ai é, é.

E porque o blog do meu afilhado ainda não está actualizado, aqui fica o registo de que há uns dias, começou a gostar de agarrar com força tudo o que apanha. Sejam os dedos (hoje foi o meu :)) ou os cabelos. E está atento, vivaço, sorridente e não fossem as malditas cólicas que por vezes o atormentam, seria sempre um anjinho.

Já disse que o adoro?!? E que sou a madrinha mais babada do mundo?
E como já não estavamos juntos há uma eternidade (desde 5ª feira, entenda-se), hoje lanchamos juntos e prolongamos a coisa, com um jantar a 6. Uma coisa muito light, mesmo apropriada a quem está a (tentar) fazer dieta. Pois, marchou mesmo uma francesinha. E que bem que me soube!!!

Ser feliz


Ora aqui está um tema que, para mim, dá pano para mangas. Não acredito em felicidades absolutas, totais. Não acredito que alguém possa ser feliz todos os dias, a cada dia, a cada hora. Não acredito. Mas cresci a acreditar que sim. Culpa dos danados dos filmes da Disney e de outros em que o final era sempre um "e viveram felizes para sempre". A vida foi-me ensinando que filme é filme. E a vida real é tão diferente.

Sempre foi um tema sobre o qual pensei. Sobre o qual tentei escrever várias vezes para ordenar as ideias na minha cabeça.

Ultimamente li um reportagem sobre um professor de felicidade da Universidade de Harvard (acho que era esta) em que dava dicas para se ser feliz. E pelos vistos a cadeira é das mais concorridas e tal. E blá-blá-blá. E depois de ler aquelas não sei quantas páginas, penso, ok... esta é a verdade deste senhor todo famoso. Mas será esta a minha verdade? Será este o segredo para a minha felicidade? E penso que não. Penso que cada um de nós deve procurar a felicidade da sua forma. Não existe uma receita que sirva todos. Caso contrário, quem a descobrisse estaria já rico e nós todos felizes!!!

Mas se tento ser feliz? Óh meus amigos, tento, sim! Tento, mas tento. Não digo que tento e depois entro numa de deixa andar. Não funciono assim. Não gosto de mais ou menos, de morno e deixa correr. E quando dislumbro a minha vida a entrar num desses túneis escuros, tento acender a luz rapidamente, que é como quem diz, fazer algo pela minha vida, pela minha felicidade.
Quem me conhece, sabe que luto por aquilo em que acredito, que sou fiel a mim própria, que não levo desaforo para casa, que tenho o coração muito perto da boca, que choro com a mesma facilidade com que me roubam um sorriso.

Acredito que todos somos felizes a espaços. Esta é a melhor definição que encontro. Para uns, os espaços são mais curtos, mais frequentes, para outros mais espaçados, mais prolongados. Mas é assim que vejo a felicidade.

Um dos livros que estou a ler (Não há famílias perfeitas) tem uma passagem que me captou a atenção. Para quem não conhece, tratam-se de pequenas histórias do dia-a-dia, de mães, que são relatadas a uma psicóloga que as passou para livro. As palavras não serão exactamente estas, mas diz que numa conversa com a psicóloga, esta lhe recomendou que sempre que se sentisse feliz, mesmo feliz se agarrasse a essa felicidade e não a deixasse fugir, que repetisse para si própria essa frase. E achei muita piada à ideia. Acho que é um truque a tentar. Mais um.

E sim, eu sou feliz... a espaços...

Story something

Descobri há uns tempos este site, que permite criar histórias personalizadas, que podemos imprimir ou enviar por e-mail e gosto bastante. Experimentem lá e digam o que vos parece. E melhor ainda, grátis, de borla, for free!!!

Hoje

Fui à terra que me viu nascer. Passear. Deixar uma flor à minha avó e conversar com ela em silêncio. Estava a precisar. Ela sabe. Eu sei

Mamãs da blogoesfera


Com filhotes que usem fraldas, cá fica uma dica sempre importante. O Continente está hoje e amanhã com uma promoção de 75% desconto em cartão nas fraldas Dodot Activity (o mesmo com os dodots da mesma marca, mas estes já estavam em folheto).
Hoje lá fui encher o meu carrinho de fraldas e renovar o stock.

29/07/10

27/07/10

Parabéns pai

E com a correria dos últimos dias, não deixei aqui antes um beijo de parabéns ao meu pai, que ontem completou 61 primaveras e apagou as velas contente da vida, com a Maria ao colo. E no mesmo dia, tivemos dia dos avós, e a Maria levou de presentinho aos avós um raminho de flores todo catita.

Pediatra

Depois de muitos vamos, não vamos. De uma fim-de-semana estranho, de uma chamada ontem para o pediatra que nos disse que isto não era nada e que aconselhou que não valia a pena lá irmos, hoje fomos mesmo visitá-lo. A diarreia que ainda por aqui anda, será uma virose qualquer que ela apanhou, teremos dieta para a princesa e mantemos o ultralevur. A constipação é apenas isso, uma constipação. A febre foi-se (espero que por muitoooo tempo). A falta de apetite será do calor e da quantida astronómica de dentes que estão todos a aparecer.
E hoje a malandreca até já jantou qualquer coisita. A ver vamos. E temos ido à praia, que está um calor que não se pode!

22/07/10

wear sunscrean

Se não conhecem, não percam. Se conhecem, revejam. Para mim, um dos mais fabulosos vídeos motivacionais de sempre. Com uma mensagem simples, poderosa e tão verdadeira

A febre

Tem estado controlada, ora com ben-u-ron, ora com brufen. De 4 em 4 horas. A Maria tem estado chatinha. Chatinha é favor. Tem estado mesmo chata. Não quer isto, não quer aquilo, choraminga porque sim, choraminga porque não. Durante o dia foi comendo mas decidiu que não ia jantar e arre que a catraia é decidida e faz juz ao signo (que dizem ser jeitoso!) e quando diz não é não. Ainda trincou duas ou três vezes uma salsicha, pousou. Pediu massa. Comeu 5 bocados. Disse: não quero mais. E não comeu mais nada. Eu bem insisti, bem tentei, bem cantei, distraía com o canal panda, com as tartarugas mas não quis comer nada de nada. Agora há pouco comeu meia banana e 1 bolacha do panda. E está agora com a pai a ver se adormece a beber o leitinho. Desde as 6h da tarde que tem estado sem febre (embora continue quentinha), mas vamos manter esta noite o esquema ben-u-ron/brufen e ver como acorda amanhã. Se de início associei a febre à vacina da varicela (que tantas dúvidas tive sobre dar ou não, mas o pediatra lá me convenceu que seria bom ela tomar), agora inclino-me mais para dentes. Desde esta manhã que tem feito um cocozete mole e amarelado e hoje ao comer com uma colher, queixou-se: doi o dente! Apontando para uma gengiva enorme em que ainda não mora o dito dente (e só de pensar que ainda faltam tantos, até fico assustada). Agora é mesmo esperar que amanhã ela acorde melhor, que o dia hoje foi esgotante (apesar do almoço na companhia do padrinho e da visista da madrinha e da tia Ana durante a tarde, que sempre a animaram).

Inferno

Conheço um local, onde esta frase me parece mais do que verdadeira...

Oprah e a duquesa de York

Acabo de ver uma excerto da entrevista que Sarah Fergusson, duquesa de York, deu à Oprah para justificar a venda de acesso ao ex-marido por 40 mil doláres e em que pediu mais 500 mil. Não acreditei numa palavra. Ai coitadinha de mim, o dinheiro era para um amigo, a pessoa foi-me apresentada por outro amigo, eu só queria ajudar e eu estava embriagada ou talvez não, porque nem me lembro do que bebi. E pobre de mim que tenho tantas dívidas e que só recebo 20 mil dólares por ano, por ter sido mulher de um príncipe. Não tenho pachorra. E se fosse trabalhar? Mas a sério? Sem esquemas? Isso é que era...

21/07/10

O novo amor da minha vida




Já com a autorização dos papás e com o disco externo a cooperar (finalmente), cá ficam as fotografias do meu afilhado. Comigo e com a minha princesa, a prima Maria, que tem uma paixão assolapada pelo Gonçalo mas que diz que ele é muito dorminhoco.

Febre

A Maria está com febre. Nada de alarmante. 37,4 às 6h da tarde... ben-u-ron. Agora tinha 37,2. Apesar de tudo jantou bem e fartou-se de brincar, mas está mais caída e vai pedindo colo. Eu sei que deverá ser da vacina. Também sei que podem ser os malditos dentes que nunca mais estão todos cá fora. Mas ainda assim, não estou tranquila. 20 meses depois de várias febres, outras tantas vacinas, e não ha forma de encarar isto com mais calma e ligeireza...

Raios

Já tive a autorização... E o disco externo está a passar-se e não consigo aceder às fotos!!!! Alguém se vai deitar com os azeites hoje... Ai vai, vai...

E hoje

A dita está prontinha, montadinha, lindinha e a catraia ainda a piscina estava a encher e já tinha tomado duas banhocas. E o que nos trouxe o S. Pedro ao fim da tarde? Chuva, pois claro! E amanhã quem vai convencer a Maria que a piscina está ali mesmo ao lado, mas que não vai haver banhos para ninguém se o tempo não ajudar?!

19/07/10

Da ida à praia no fim-de-semana








varicela


Não, a catraia não está doente. Hoje foi sim, dia de ir tomar a (adiada) vacina da varicela. Assim que chegamos ao centro de saúde (onde a Maria só vai mesmo tomar as vacinas) ela reconheceu de imediato o local. E começou a dizer que ia brincar com os brinquedos, na mesa, com as cadeiras e que era a mamã que tinha doi-doi... Assim que entramos com ela para a sala de enfermagem não se calava a perguntar o que estava a enfermeira a fazer... Eu e a minha mãe a distrai-la mas ela estava mesmo desconfiada (ainda para mais a enfermeira que ela conhece não estava hoje). Lá chegou a picadela, era chorou meio minuto (se tanto) mas doi-me que se farta vêla sofrer. Mas é uma valente e logo depois limpou as lágrimas e agarrou com força o bonequinho que a enfermeira lhe ofereceu e já saímos do centro de saúde com ela a sorrir. So far, nada de efeitos secundários, mas pelo sim pelo não vai tomar ben-u-ron agora mesmo, antes de dormir. A boa notícia é que novas vacinas só aos 5 anos!

Isto é boicote

Está uma pessoa a tentar desesperadamente fazer dieta e tem uma filha viciada em gelados, um marido pior ainda e abre a net à procura de uma imagem engraçada e dá de caras com isto...


Boca fechada nos próximos tempos, que as férias trouxeram-me 3kgs, dos alguns (muitos) que perdi e que não queria mesmo nada voltar a encontrar.

18/07/10

Podia ter-nos dado para pior

Domingo. Tarde de sol. Intenso. Sem vento. Praia a 10 minutos de casa. E o que fizemos?


Após o almoço em casa dos meus pais, a catraia adormeceu e aproveitamos para limpar de raízes, plantas e vestígios de troncos de um pessegueiro e afins, o jardim de casa dos meus pais. Perguntam vocês: e qual o motivo?
Nos meus sonhos mais secretos, a minha casa vai ter uma infinity pool como esta (estive num hotel em Bali que tinha uma igual e que me encheu as medidas).
Enquanto não me sai o euromilhões, vamos passar a ter em casa dos meus pais, uma bem parecida com esta. Mais de 3 metros de pura diverão para a Maria (e não só!). E a catraia já anda louca a perguntar e a piscina?! Onde está? Se correr bem, amanhã ou 3ª feira está tudo montado e prontinho para umas banhocas.

Não há nada melhor

Do que chapinar na água. Que o diga a catraia

video

Tivemos praia

Mas dado o avançado da hora, os meus dedos que já não encontram as teclas e as pálpebras que teimam em fechar, as fotos terão mesmo que ficar para amanhã.
É favor mandar calar os foguetes que se ouvem por perto, que se a catraia acorda vai ser o bom e o bonito que ela é uma catraia toda destemida e que adora bicheza, mas tem pavor a foguetes, odeia o barulho e assusta-se sempre.

17/07/10

Óculos de Sol


A Maria acha-lhes piada. Vá, mais ao meus do que aos dela. Ainda assim já os vai usando de quando em vez. Há uns dias pediu-mos em casa. Acedi e fui buscar. Aparece-me na sala, feita artista de óculos de sol dentro de casa. Eu ri-me. Resposta pronta: "não é assim! é na cabeça como a mamã!". Resultado na foto...

Tranquila




Ou melhor, vidrada no Panda..

16/07/10

E hoje

Numa ida ao supermercado pertinho de casa, demos com esta menina (que está cada vez mais bonita)!!! Que bom foi rever-vos!

Se não querem escorregar, não leiam este post

Que a carrada de baba é tanta que mais um bocadinho e dava para encher a minha banheira...
Obrigada Sara, pela publicação do yellow look da Maria! . E pelos elogios :)

Ai que vai ser uma perdição


A Disney Store abre no Norte Shopping no dia 21 de Julho e nos dias 20 e 21 o centro comercial terá animação com as figuras Disney. Eu que amo o universo mágico da Disney, já me estou a ver a ser cliente frequente (podiam dar milhas, como nos aviões, boa?!).
A Maria também já acha piada, quer à Minie quer ao Mickey. E às princesas?! Ai as princesas... Eu não adoro, mas a catraia, delira!!!